Viajar para países vizinhos como Argentina e Uruguay é sempre muito bom. Comer uma parrilla, o churrasco dos nossos hermanos, é melhor ainda. Mas muitas vezes a falta de informação é o que diferencia uma boa de uma má refeição.

Depois de algumas viagens já cansei de escutar as velhas dúvidas, tanto de amigos como outros turistas que se arriscam a pedir cortes que não fazem a menor idéia. As perguntas mais comuns são: O que é isso? Que corte é esse? Como é feito?

Foi lendo uma matéria da Revista Viagem justamente sobre esse assunto que achei interessante compartilhar com vocês a tabela comparativa entre os tradicionais cortes Brasileiros e Argentinos, facilitando assim na hora de fazer o pedido.

Agora é só caprichar na pronúncia. Buen provecho!

Esta tabela foi feita com dados da Revista viagem.